Pages

4 de jul de 2011

Cinema e Serie | Critica do episodio ''Meu nome é problema'' da 2º temporada de ''Pretty Little Liars''

Confira uma critica do 3º Ep. da 2º Temp. de ''Pretty Little Liars


http://blogna.tv/wp-content/uploads/2011/05/PLL_Poster.jpg
Pretty Little Liars (2x03) - My Name Is Trouble
Problemas, problemas.
Já diz o nome do episódio: Meu nome é problema. Mas afinal, de quem é que os roteiristas de Pretty Little Liars estão falando? Juro que não faço a menor ideia e que não consigo fazer a ligação disso com o conteúdo do episódio que foi bem fraquinho.
Tudo bem que tivemos o shirtless mais esperado da nossa semana, com Toby sensualizando muito como trabalhador braçal. Tivemos ainda a declaração de amor dele para Spencer e vice-versa. Essa foi a parte boa e bonitinha, mas e o que mais? Estou me esforçando para encontrar importância em algum fato desenvolvido no episódio.
Para começar, vejo alguma possibilidade de encrenca para Aria e Ezra agora que a ex-noiva dele flagrou o momento romance dos dois, que são o casal proibido mais burro do mundo todo. Aria vai beijar e andar de mãos dadas com o professor justamente no local de trabalho do pai dela. Não importa que Ezra pediu demissão. Ela ainda está mostrando que falta botar Tico e Teco para trabalhar ao agir assim. Mas vejam bem, isso é uma possibilidade não concretizada e pode dar algo ou em nada, assim como as cenas de aula de cerâmica com Jenna. Aquilo não teve utilidade alguma, sinto dizer.
Falando em utilidade, já estou meio frustrada com a história toda envolvendo Jason. O cara tira tanto lixo de dentro de casa que parece até que ele vive num ferro velho. A única coisa remotamente interessante é a relação dele com Alisson, porque eu tenho essa vaga memória da primeira temporada, de que ele era super apegado à irmã. Se alguém aí lembrar disso melhor, peço que comente.
Para mim, Jason (aquele do ator trocado) era o irmão mais velho dedicado a encontrar o assassino de Alisson e não um inimigo potencial como tentam pintá-lo agora. Como tudo em PLL, a trama foi desenvolvida tão porcamente que sequer lembro com a clareza necessária para afirmar o furo no roteiro. O importante mesmo é que Jason provavelmente está escondendo Ian.
Outra coisa completamente aleatória foi aquele Wren reaparecer. A troco de quê, gente? Só para entregar um pacote para Melissa, que parece suspeitíssima o tempo todo, mas não deve estar envolvida em nada de mais? Esse entra e sai de gente aleatória me irrita profundamente e não serve nem mais para confundir, só para mostrar que a série caminha completamente sem rumo.
E a mudança de Emily que nunca acontece? O pior é que ela e a mãe empacotaram até as calcinhas velhas para decidirem ficar, na última hora. Cortesia de –A, é claro, que agora também rouba papéis do lixo se precisar.
O drama familiar de Hanna também está bastante aleatório e por mais que eu goste da personagem, ela está muito desvalorizada. Aquele plotezinho bobo com Lucas na escola poderia entrar em qualquer episódio que não faria diferença. A única Liar com arco em desenvolvimento, por assim dizer, é Spencer, mas mesmo as cenas dela foram sem importância nessa semana, que se consagra como uma das piores de toda a série.
Foi tão ruim que agora sim, começo a entender as lágrimas de crocodilo de Alisson. Ela chorava por nós.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Just Fama Pelo Mundo

Procure aqui